sábado, 31 de agosto de 2013

O Tigre que matou 436 pessoas

Porque eu estava com preguiça copiei o texto diretamente da Wikipedia. Mas não podia deixar de compartilhar com vocês a história de uma Tigresa Serial Killer!

O Tigre de Champawat foi uma lendária fêmea de Tigre-de-bengala responsável pela morte comprovada de 436 pessoas (muitas das quais devoradas) na região indiana de Kumaon (no estado de Uttarakhand) e na fronteira entre a Índia e o Nepal durante o final do século XIX e início do século XX. Ela foi caçada e morta em 1907 pelo caçador britânico Jim Corbett.

Após ter matado 200 pessoas no Nepal, a tigresa passou a ser caçada pelo exército nepalês, migrando para a região do Rio Sārda, atravessando a fronteira indiana até chegar ao distrito de Kumaon. Ali continuou sua caçada humana, vitimando mais 236 pessoas. Todos os seus ataques seriam feitos durante a luz do dia e as tentativas de caçá-la eram infrutíferas, por conta da agilidade e ousadia do animal. Ela percorria regiões ermas de estradas e aterrorizava os moradores dos povoados do distrito de Kumaon com seus rugidos. No ano de 1907, a tigresa matou uma jovem de 16 anos na vila de Champawat. Nesse mesmo dia, o caçador Jim Corbett a matou com um tiro de espingarda após um longo cerco que envolveu os 300 moradores da vila.


Comentários
1 Comentários

Um comentário:

Comente. É de graça e ajuda o moderador a criar conteúdo de qualidade para você. Todo mundo sai ganhando.